Quebrando um software monolito: Microsserviços vs. Sistemas Autocontidos

microservices-01-1

Texto de Olga Annenko, disponível em: http://www.elastic.io/breaking-down-monolith-microservices-and-self-contained-systems/

As publicações e discussões recentes de TI estão cheias de termos como “transformação digital”, “TI bimodal”, “desenvolvimento contínuo” e “agilidade”. Não há necessidade de discutir que arquiteturas monolíticas e aplicações monolíticas devem se tornar coisas do passado, cedo ou tarde – de preferência, cedo, é claro. E de fato os departamentos de TI são encorajadas a se afastar dos monolitos por causa de inúmeras razões perceptíveis e compreensíveis: manutenção complicada, muitas dependências, dificuldades de teste e implantação (o monolito só pode ser implantado como um todo.) Os monolitos são como o Triângulo das Bermudas para qualquer iniciativa ágil de TI.

Marcado com: , ,
Publicado em Microsserviços

Esculpindo o monolito JavaEE em microsserviços: prefira verticais, não camadas

next-arch

O texto original é de Christian Posta, e está disponível em: http://blog.christianposta.com/microservices/carving-the-java-ee-monolith-into-microservices-perfer-verticals-not-layers/

O monolito que explorarei nesses artigos será do tutorial Ticket Monster, que tem sido um exemplo canônico há muito tempo sobre como construir uma aplicação impressionante com JavaEE e as tecnologias RedHat. Usaremos o Ticket Monster porque é uma aplicação bem escrita situada entre o “não-trivial” e o “complexo demais para um exemplo”. É perfeito para propósitos ilustrativos e podemos apontar algumas coisas dele concretamente e discutir prós e contras de algumas abordagens com código de verdade.

Marcado com: , ,
Publicado em Microsserviços

Criando uma imagem com Java para o Docker

docker_28container_engine29_logo

O Docker cria um ambiente no qual você pode rodar seu código de forma relativamente isolada do seu sistema operacional. O seu programa vai rodar em um contêiner.

Marcado com: ,
Publicado em Microsserviços

Como instalar o Docker no Ubuntu 16.04

docker_28container_engine29_logo

Instale o Docker no Ubuntu seguindo este tutorial com 10 passos.

Marcado com: ,
Publicado em Microsserviços

Walking the Microservices Path towards Loose coupling? Look out for these Pitfalls

Publicado originalmente em My views of the World and Systems:
(image credit: Wiros from Barcelona, Spain) Microservices are the new architecture style of building systems using simple, lightweight, loosely coupled services that can be developed and released independently of each…

Publicado em Uncategorized

Arquitetura de Microsserviços e Tecnologia de Contêiner Explicadas

Para lutar por espaço no mundo dos serviços e aplicações baseados na web, é necessário ter um olho rápido e um braço forte de desenvolvimento de software, e as empresas em todo lugar buscam novas formas de aumentar a agilidade e encurtar o time-to-market.

Marcado com: , ,
Publicado em Microsserviços

Não comece com um monolito

…quando o seu objetivo é uma arquitetura de microsserviços.

Nos últimos meses, ouvi repetidamente que a única forma de ter uma arquitetura bem sucedida de microsserviços é começando primeiro com um monolito. Como lembra Simon Brown: se você não consegue construir um monolito bem estruturado, o que o faz acreditar que será capaz de construir um conjunto bem estruturado de microsserviços? A mais recente, e como sempre convincente, interpretação desse argumento vem de Martin Fowler. Tomei algum tempo para pensar sobre isso. E fiz isso especialmente porque normalmente concordo com ele, e outras pessoas cujas visões eu compartilho também parecem concordar com ele.

Marcado com: , ,
Publicado em Microsserviços